segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Abraço











José Luís Peixoto partilha, com ímpar mestria, as suas recordações sobre a infância, as terras alentejanas, o amor, a escrita, a leitura, as viagens, as tatuagens, a vida. O autor escreve sobre si próprio, impressionando-nos com a simplicidade da sua escrita, onde nos revemos a cada passo. Estamos perante uma escrita íntima, na qual o autor fala de si próprio, parecendo-nos que fala de cada um de nós...
A confirmação de um grande escritor.
Imperdível!
Boas leituras!

Sem comentários:

Enviar um comentário