terça-feira, 6 de janeiro de 2015

 
 
 
Este livro é muito pormenorizado, mas ao mesmo tempo é tão bonito! Retrata a história da autora, (Waris Diris) que passou por muito, desde mutilação genital até quase se ter casado com um homem com o quíntuplo da sua idade. A Flor do deserto é um livro muito forte e infelizmente retrata a realidade. Ainda hoje em dia se pratica mutilação genital dentro das tribos, sem conhecimento de ninguém.
No final, tudo acaba bem, hoje. Hoje Waris faz o seu dia-a-dia  normalmente, como modelo.
Matilde Alegria Neto, 7º A

Sem comentários:

Enviar um comentário